InícioNotíciasFaleceu D. Javier Echevarría, prelado do Opus Dei
Notícias

Faleceu D. Javier Echevarría, prelado do Opus Dei

13 Dezembro 2016

Etiquetas: Igreja, Javier Echevarría, Nossa Senhora de Guadalupe
Às 21h10 (20h10 hora portuguesa) de 12 de dezembro, festa de Nossa Senhora de Guadalupe, faleceu D. Javier Echevarría, bispo e segundo sucessor de S. Josemaria Escrivá, fundador do Opus Dei.

O vigário auxiliar da prelatura, D. Fernando Ocáriz, administrou-lhe os últimos sacramentos na tarde do mesmo dia.

O prelado do Opus Dei foi internado no passado dia 5 de dezembro na clínica do Campus Bio-Médico de Roma por causa de uma infeção pulmonar ligeira.

D. Javier Echevarría estava a ser submetido a um tratamento com antibiótico para combater a infeção. O quadro clínico complicou-se nas últimas horas provocando uma insuficiência respiratória, que veio a causar o falecimento.

Conforme o que está previsto no direito da prelatura, o governo corrente da prelatura recai agora sobre o vigário auxiliar Mons. Fernando Ocáriz. Segundo os estatutos da prelatura, a ele compete convocar no prazo de um mês o congresso eletivo para escolha do novo prelado. O congresso deve realizar-se no prazo de 3 meses. A escolha tem de ser posteriormente confirmada pelo Papa.

O prelado tinha 84 anos de idade. Nasceu em Madrid em 1932, e foi nessa cidade que conheceu S. Josemaria, de quem foi secretário de 1953 a 1975. Mais tarde, foi nomeado secretário geral do Opus Dei. Em 1994 foi eleito prelado. Recebeu das mãos de S. João Paulo II a ordenação episcopal no dia 6 de janeiro de 1995 na Basílica de S. Pedro.

www.opusdei.pt


Artigos relacionados

Vídeo

Testemunho de D. Javier Echevarría

Conheceu S. Josemaria em 1948 e, desde 1953, foi um dos seus colaboradores mais imediatos. Em 1994 sucedeu a D. Álvaro del Portillo como Prelado do Opus Dei

Vídeo

Papa Francisco na basílica de Guadalupe: as lágrimas dos que choram não são estéreis

Vídeo (Rome Reports). O Papa Francisco celebrou a sua primeira Missa no México na Basílica de Guadalupe. Na sua homilia recordou a história de S. João Diego e a Virgem de Guadalupe. Recordou que a Mãe de Deus escolheu um humilde índio para transmitir a sua mensagem em terra mexicana.

Documentos

Etiquetas em Notícias