InícioDe RomaPapa Francisco na Audiência Geral: Festa, trabalho e oração para uma vida familiar
De Roma

Papa Francisco na Audiência Geral: Festa, trabalho e oração para uma vida familiar

Etiquetas: Alegria, Contemplar, Descanso, Família e profissão, Trabalho, Coerência, Papa Francisco
  Vídeo (Rome Reports). O Papa Francisco explicou, na sua catequese, três aspetos fundamentais em que deve sustentar-se a vida familiar das pessoas: festa, trabalho e oração. O Papa desenvolveu cada um deles e explicou por que são tão importantes. Também explicou que não se deve ser escravo do trabalho mas, pelo contrário, ser dono dele.

RESUMO DA CATEQUESE DO PAPA:

Queridos irmãos e irmãs:

Abrimos hoje uma série de reflexões sobre três facetas que marcam a vida familiar: a festa, o trabalho e a oração.

A festa é uma das dimensões marcam o ritmo da vida familiar. É uma “invenção” de Deus: o relato da criação, no Gênesis, fala que Deus repousou no sétimo dia. Assim, aprendemos que é preciso dedicar um tempo para contemplar e regozijar-se com o trabalho bem feito. A festa, portanto, não é sinônimo de preguiça, mas tempo de dirigir um olhar amoroso e agradecido a tantas realidades que nos circundam: os filhos, os netos, a nossa casa, os amigos, a nossa comunidade. A festa também possui uma dimensão sagrada. É um Mandamento que tem por fim lembrar o homem que ele foi criado à imagem de Deus e que ele é senhor do trabalho, não seu escravo. Por isso, a obsessão pelo lucro que torna tantas pessoas escravas do trabalho é algo contrário à dignidade humana, bem como a ganância que leva querer transformar o descanso num negócio, para ganhar dinheiro. Acima de tudo, a festa é o tempo do encontro com Deus. Na Eucaristia dominical, Jesus nos dá a sua presença, o seu amor, o seu sacrifício, transfigurando todas as realidades, a começar pela própria vida familiar.
***

Dirijo uma saudação cordial a todos os peregrinos de língua portuguesa. Sois chamados a ser testemunhas do Evangelho no mundo, transfigurados pela alegria e pela graça misericordiosa que Jesus nos dá cada domingo na Santa Missa. Desça sobre vós e sobre vossas famílias a bênção de Deus.

Artigos relacionados

Vídeo

Papa Francisco no Angelus: Recordai para que existimos, trabalhamos, lutamos e sofremos

Vídeo (Rome Reports). Durante o Angelus em S. Pedro, o Papa Francisco recordou que um cristão não pode viver para si mesmo mas sim para os outros, evocando o mistério da Santíssima Trindade.

Documentos