InícioSão JosemariaPara falar com Deus
São Josemaria
Textos de São Josemaria

Conselhos aos casais

Cada um de nós tem o seu feitio, os seus gostos pessoais, o seu génio - o seu mau génio, por vezes - e os seus defeitos. Cada um tem também coisas agradáveis na sua personalidade e por isso e por muitas mais razões, pode-se amá-lo. A convivência é possível quando todos se empenham em corrigir as próprias deficiências e procuram passar por alto as faltas dos outros, isto é, quando há amor Etiquetas: Compreensão, Matrimónio, Temas Atuais do Cristianismo

O trabalho e as pessoas do Opus Dei

A vocação para o Opus Dei não altera nem modifica de modo algum a condição, o estado de vida, de quem a recebe. E como a condição humana é o trabalho, a vocação sobrenatural para a santidade e para o apostolado, segundo o espírito do Opus Dei, confirma a vocação humana para o trabalho. Etiquetas:

Bom Humor

- "Contente?"... A pergunta deixou-me pensativo. Ainda não se inventaram as palavras capazes de exprimir tudo o que se sente - no coração e na vontade - ao saber-nos filhos de Deus. Etiquetas: Alegria, Caridade, Otimismo, Vida interior

Amor à liberdade

Nesta tarefa que vai realizando no mundo, Deus quis que sejamos seus cooperadores; quer correr o risco da nossa liberdade. Emociona-me profundamente contemplar a figura de Jesus recém-nascido em Belém: um menino indefeso, inerme, incapaz de oferecer resistência... Etiquetas:

Sobre a influência do Opus Dei

Tal como sucede com a totalidade da Igreja - alma do mundo -, o influxo do Opus Dei na sociedade civil não é de carácter temporal - social, político, económico, etc. - embora na realidade venha a ter repercussão nos aspectos éticos de todas as actividades humanas; é, sim, um influxo de ordem diversa e superior, que se exprime com um verbo preciso: santificar. Etiquetas: Temas Atuais do Cristianismo

O Santo Rosário

Consideremos uma das devoções mais arreigadas entre os cristãos, o Santo Rosário. A Igreja anima-nos à contemplação dos mistérios: para que se gravem na nossa mente e na nossa imaginação a alegria, a dor e a glória de Santa Maria, o exemplo admirável de Nosso Senhor. Etiquetas: Oração, Piedade, Terço, Nossa Senhora

1º Mistério gozoso. A Anunciação

“O Espírito Santo descerá sobre ti e a virtude do Altíssimo te cobrirá com a sua sombra; por isso mesmo o Santo que há-de nascer de ti será chamado Filho de Deus”. A nossa Mãe é modelo de correspondência à graça e, ao contemplarmos a sua vida, o Senhor dar-nos-á luz para que saibamos divinizar a nossa existência vulgar. Etiquetas: Jesus Cristo, Terço, Nossa Senhora

2º Mistério gozoso. Visitação da Virgem à sua prima Santa Isabel

Naqueles dias, levantando-se Maria, foi com pressa às montanhas, a uma cidade de Judá. Entrou em casa de Zacarias e saudou Isabel. Isabel aclama, agradecida, a Mãe do Redentor: Bendita és tu, entre todas as mulheres, e bendito é o fruto do teu ventre! - A que devo eu tamanho bem, que venha visitar-me a Mãe do meu Senhor? (Lc I, 42 e 43). O Baptista, ainda por nascer, estremece... (Lc I, 41)... A humildade de Maria verte-se no Magnificat... Etiquetas: Terço, Serviço, Nossa Senhora

3º Mistério gozoso. Nascimento de Jesus em Belém

E, em Belém, nasce o nosso Deus: Jesus Cristo! Não há lugar na pousada: num estábulo. - E Sua Mãe envolve-o em paninhos e reclina-o no presépio (Lc 11, 7) . Frio. - Pobreza. - Sou um escravozito de José. - Que bom é José! Trata-me como um pai a seu filho. - Até me perdoa, se estreito o Menino entre os meus braços e fico, horas e horas, a dizer-lhe coisas doces e ardentes!... Etiquetas: Pobreza, Sagrada Família, Terço

5º Mistério gozoso. O Menino perdido e achado no templo

Onde está Jesus? - Senhora: o Menino!... Onde está? Maria chora. - Bem corremos, tu e eu, de grupo em grupo, de caravana em caravana; não O viram. - José, depois de fazer esforços inúteis para não chorar, chora também... E tu... E eu. E, ao consolar-nos com a alegria de encontrar Jesus - três dias de ausência! - disputando com os Mestres de Israel (Lc II, 46), ficará bem gravada, na tua alma e na minha, a obrigação de deixarmos os de nossa casa, para servir o Pai Celestial. Etiquetas: Doutrina, Sagrada Família, Terço